Atletismo: História e Modalidades

By | dezembro 28, 2017

A História do Atletismo


Onde surgiu o Atletismo

O esporte Atletismo surgiu na Grécia antiga. Desde o início da existência da humanidade, o homem é motivado pelo desejo de competição, correr, saltar, lançar, com isso, diversas modalidades com o intuito de alimentar essa necessidade foram desenvolvidas, uma delas é o Atletismo.

A Origem do nome Atletismo

A palavra atletismo é derivada da raiz grega ATHI, que significa competição.

Como surgiu o Atletismo

A história do Atletismo está ligada à fantástica mitologia grega, pois Homero, em seu poema épico, a Ilíada, conta que Aquiles realizou competições esportivas, em uma de suas passagens, o poeta cita uma corrida “Filho de Oileu e, Ájax tomou a dianteira, sobre seus passos lançou-se o divino Ulisses…”. Os gregos tinham o costume de realizar competições esportivas para honrar os deuses e homenagear os visitantes.

História do Atletismo: onde surgiu o atletismo

Quando surgiu o Atletismo

O Atletismo surgiu em 776 a.C, mas já em 884 a.C, Pítia sugeriu ao rei da Élida, Ífito, trazer de volta os jogos, para que assim, os deuses pusessem fim a peste que atingia o Peloponeso. No entanto, só houveram registros desses jogos 108 anos depois.

As modalidades do atletismo antigo

O atletismo foi um dos esportes que fizeram parte dos jogos olímpicos antigos, inicialmente se subdividindo em 3 (três) modalidades:

A corrida:

A Corrida é uma das provas mais tradicionais do atletismo e do esporte mundial, ela era disputada no estádio, em um percurso de 192,27 metros, o qual os gregos deram um nome peculiar, a chamavam de 600 pés de Hércules, como uma forma de homenagear o semideus.

Segundo Homero, a primeira prova de Corrida considerada esportiva foi organizada por Hércules, que após realizar seus 12 trabalhos, fez moradia na ilha de Creta e construiu seu estádio, no qual eram feitas disputas esportivas.

História do Atletismo antigo: a corrida

Inicialmente, a corrida era disputada em duas voltas na pista, eles nomearam essa modalidade de diualo. Posteriormente, eles passaram a realizar corridas mais longas que consistiam em 12 voltas completas, a qual chamaram de dólico.

A origem do Bloco de Partida

Os corredores, faziam uns orifícios no chão para um melhor impulso no início da corrida. Vem daí então a origem do que conhecemos hoje como bloco de partida no atletismo.

Lançamentos

Na antiguidade, os lançamentos eram realizados do Discóbolo, que era uma barreira feita de terra, na qual os atletas se posicionavam acima para fazer os arremessos.

Os lançamentos eram feitos com dardos, que mediam aproximadamente 1,80m, contendo uma parte de ferro afiada em sua ponta, isto auxiliava a lança na perfuração do solo, dessa forma, podendo ser feita a medição da distância alcançada no lançamento.

Além dos dardos, os lançamentos também eram feitos com pedras e discos de ferro ou bronze.

Saltos

Os saltos eram uma das modalidades do atletismo antigo e é mantido até hoje. Neles, os atletas poderiam correr até a linha e saltar de modo que seus pés não tocassem a linha que separava a pista do local onde eles deveriam cair.

História do Atletismo: Modalidades do Atletismo antigo

Cada competidor poderia saltar três vezes e o vencedor da prova era o que conseguisse uma distância maior no salto. Essa distância era a soma total dos três saltos.

O fim do atletismo

Após os romanos tomarem Grécia, no século I d.C, os jogos tiveram continuidade, mas eram mais recreativos que competitivos. Além disso, os atletas não eram um cidadãos livres, eram escravos ou prisioneiros de guerra, e a prática não era feita para venerar deuses ou visitantes.

Percebe-se então uma grande decadência no atletismo durante a transição da cultura grega para a romana. Só isso, já foi uma grande perda para o que realmente representava o esporte, no entanto, no ano 394 d.C o então imperador Teodósio, responsável pela morte de 10 mil gregos, decidiu converter-se ao cristianismo, e aboliu os jogos, já que foram criados pelos pagãos, fazendo com que ficassem abolidos durante 8 séculos.

Após isso, realizaram-se práticas do atletismo discretas pelo mundo, como na Inglaterra. Porém na Europa durante a idade medieval direcionava seus interesses aos treinamentos militares, pois enfrentavam uma época de guerra e era mais útil ao povo aprender a lutar do que praticar esportes.

A volta do atletismo

A partir de 1892, em uma reunião realizada em Sorbonne, localizada em Paris, Pierri Fredi, apresentou o projeto que visava a recriação do atletismo e dos jogos olímpicos extintos pelo rei Teodósio. A proposta visava aprimorar o caráter dos jovens e crianças, e despertar o espírito de equipe e o gosto pela competição.

A Criação do Comitê Olímpico Internacional

A História do Atletismo em muitos momentos se confunde com a história dos Jogos Olímpicos. E em 1894, em um congresso em Sorbonne, com a participação de 14 representantes de diferentes países foi criado o COI (Comitê Olímpico Internacional).

O primeiro Programa de Atletismo Olímpico

O primeiro programa olímpico de Atletismo das olimpíadas moderna manteve a essência do atletismo grego, pois possuía corridas; saltos em distância e altura, triplo e com vara; lançamentos de peso e disco.

A Criação da Maratona

Uma modalidade de corrida especial foi criada, a Maratona, que consiste em um percurso de 42 km. Foi uma homenagem a distância que, teria percorrido um soldado grego, Filípides, para anunciar que os gregos haviam vencido a guerra contra os persas. A distância percorrida pelo soldado foi por volta de 35 km, após o percurso, ele veio a óbito por causa da exaustão.

História do Atletismo: Maratona

curiosidades sobre a história do atletismo

  • As mulheres só puderam começar no atletismo e nos jogos em 1928.

  • O primeiro vencedor de uma prova registrada do atletismo foi o grego Corebo, de Élida. Ele ganhou a corrida em 776 a.C, que Ífito promoveu com o intuito de agradar os deuses.

  • Muito antes dos gregos, os egípcios já se ocupavam de provas de luta com paus. Dez séculos depois, os cretenses começaram a usar do esporte como competição e recreação, como a dança, o pugilato, e a corrida a pé.

  • Em 1936 das Olimpíadas, realizada em Berlim, na Alemanha, em plena Segunda Guerra Mundial. O atleta negro Jesse Owens, frustrou as expectativas de Hitler. Owens conquistou quatro ouros nas provas de 100 m e 200 m rasos, no revezamento 4 x 100 m e no salto em distância.

  • O primeiro brasileiro que consegui ganhar uma prova de atletismo olímpica foi Adhemar Ferreira da Silva, no salto triplo, na olimpíada de 1952 em Helsinque.


As Modalidades do Atletismo


As Corridas do atletismo

As corridas são consideradas as modalidades do atletismo mais nobres e populares, elas se subdividem em corridas Rasas com Barreiras. As Corridas Rasas são disputada numa pista lisa e livre de obstáculos. Já a corrida com barreiras são disputadas ultrapassando obstáculos como fossas cavaletes.

Corridas Rasas Curtas ou de Velocidade

As Corridas Rasas são as corridas de curta duração e de velocidade.

Regras Relacionadas as Corridas Rasas Curtas

  • Durante as corrida rasas curtas no atletismo os atletas não podem podem pisar fora da sua raia ou sair do bloco de largada antes do tiro de partida (queimar a largada), caso isso aconteça, o atleta será eliminado.
  • Nos 200 metros e 400 metros as posições de largada não são alinhadas, para compensar as curvas.

Exemplos de Corridas Rasas Curtas no Atletismo: 100 metros, 200 metros e 400 metros rasos.

Modalidades do Atletismo: Provas de corridas rasas curtas ou de velocidade no Atletismo

Corridas Rasas de Meio-Fundo

As Corridas Meio-Fundo são corridas de média distância e velocidade.

Regras Relacionadas as corridas rasas de meio-fundo

  • Nos 800 metros os atletas podem sair de suas raias e se misturar na pista após a primeira curva
  • Nos 1500 metros os atletas podem sair de suas raias e se misturar na pista logo após a largada.

Exemplos de Corridas Rasas de Meio-Fundo no Atletismo: são os 800 metros e 1.500 metros

NOSSO CANAL E WHATSAPP

Canal Dicas Educação Física

WhatsApp Dicas Educação Física

Oportunidades em Educação Física

Apostila Educação Física Concursos
Cursos Online na Área de Educação Física

Corridas Rasas de Fundo

As Corridas de Fundo são corridas de longa distâncias e baixa velocidade.

Regras Relacionadas as Corridas Rasas de Fundo

  • Nas provas de 5.000 metros e 10.000 metros os atletas podem sair de sua raia e se misturar na pista logo após a largada.
  • Maratona não é disputada em pista, portanto os atletas largam misturados, não há raias.

Exemplos de Corridas Rasas de Fundo no ATletismo: 5.000 metros, 10.000 METROS, a meia maratona, a Maratona (42,195 km).

Distância das provas rasas masculina e feminina

Não existe variação nas Corridas Rasas masculinas e femininas no Atletismo.

As Corridas Com barreiras

As Corridas com Barreiras são modalidades do atletismo que exigem bastante dos atletas, pois além de tentarem manter uma boa velocidade e tempo, devem saltar os obstáculos existentes na pista.

Regras Relacionadas as Corridas com Barreiras

  • É permitido aos atletas encostar e derrubar as barreiras durante as provas com barreiras
  • Nas corridas com obstáculos os atletas não podem derrubar os obstáculos
  • os atletas devem permanecer em suas raias nas provas de 100, 110 e 400 metros com barreiras

Modalidades do Atletismo: 100 e 110 metros com barreiras

Provas Curtas com Barreiras

As provas curtas com Barreiras no Atletismo são 100 metros para mulheres, 110 metros para homens e 400 metros para ambos os sexos.

Regras para provas curtas com Barreiras

  • A altura das Barreiras nas provas de 100 e 110 metros é 1,06 metros para homens e 0,84 metros para mulheres
  • Nas provas de 100 e 110 metros os atletas devem passar por 10 barreiras
  • Na prova de 400 metros altura das barreiras são de 0,91 metros para homens e de 0,76 metros para mulheres
  • Na prova de 400 metros os atletas devem passar por 10 barreiras

Modalidades e provas do Atletismo: 400 metros com Barreiras

Prova com Obstáculo no Atletismo

As prova com obstáculo são provas longas, os atletas devem saltar cavaletes e fossas nessa modalidade do atletismo.

Regras Relacionadas as Provas com Obstáculos

  • O tamanho do percurso dessa prova do Atletismo é de 3.000 metros
  • A altura do obstáculo é 91,4 centímetro para os homens e de 71,2 centímetros para mulheres
  • A quantidade de obstáculos nessa prova é de 28 obstáculos chamados de cavaletes 7 fossas para cada competidor.

Provas do Atletismo: 3000 metros com obstáculos

Corridas com revezamento

As corridas de revezamentos são uma das modalidades do Atletismo mais charmosas. São realizadas por equipes, cada equipe é composta por 4 corredores, cada membro da equipe é responsável por percorrer uma parte do percurso da prova.

Regras do Atletismo para provas de Revezamento

  • Cada equipe deve carregar um bastão do início até o final da prova
  • Bastão só pode ser passado numa área chamada de Zona de Transição
  • Se o Bastão cair ou for passado fora da zona de transição a equipe será eliminada

São provas de revezamento do Atletismo:

  • Revezamento 4×100 metros (4 por 100)
  • Revezamento 4×400 metros (4 por 400)

Revezamento no Atletismo

Marcha atlética

Marcha Atlética sem dúvidas é uma das modalidades do atletismo mais curiosas ou exóticas do atletismo devido a forma como os atletas correm nessa prova.

Regras Relacionadas a Marcha Atlética no Atletismo

  • Os atletas não podem levantar os 2 pés do chão ao mesmo tempo
  • A passada deve ser dada primeiramente com o calcanhar e a perna de apoio não pode estar flexionada.
  • Existem juízes que fiscalizam a prova, para que as regras não sejam quebradas
  • Se um atleta violar as regras por 3 vezes será eliminado

Modalidades e provas do Atletismso: Marcha Atlética

Provas da marcha Atlética no Atletismo

As provas da Marcha Atlética no Atletismo são 20 km e 50 km para homens e de 20 km para mulheres.

As Provas de Saltos do atletismo

Diferente das corridas, os saltos são modalidades do atletismo que possuem as mesmas provas para atletas do sexo masculino e feminino. Os saltos no Atletismo são divididos em dois tipos, cada um com 2 modalidades.

Os saltos em que o objetivo é atingir maior altura são:

Salto em altura

No Salto em Altura o esportista não terá nada para auxiliar na sua impulsão, ele terá 3 tentativas para saltar acima de uma barra suspendida por 2 postes para cada altura do sarrafo.

Salto em Altura no Atletismo

SALTO COM VARA

No Salto com Vara o atleta corre em uma pequena pista e utiliza uma vara para pegar seu impulso, ao saltar ele deve ultrapassar Sarrafo, que é a barra colocada como obstáculo. Os competidores só podem derrubar o Sarrafo 3 vezes. Existe uma “caixa de apoio” para que a vara não escorregue no momento do salto.

Salto com Vara no Atletismo

Os saltos em que se deve atingir maior comprimento no salto são:

SALTO EM DISTÂNCIA:

O salto em distância é realizado após uma breve corrida para ganhar impulso, o atleta chega a tábua, que separa a pista da caixa de areia, o atleta deve saltar o mais longe possível. O Atleta não pode pisar na tábua no momento do solto (queimar o salto).

Modalidades do Atletismo: Salto em Distância

Salto triplo

No Salto Triplo, o atleta deverá correr na pista até a primeira linda, nela ele dará 2 saltos em forma de corrida usando a mesma perna, tentando chegar o mais próximo possível da caixa de areia, onde irá realizar o terceiro salto usando uma perna diferente que usou nos dois primeiros saltos e buscando atingir a maior distância possível.

Salto Triplo no Atletismo

Provas de Lançamentos do atletismo

Essas são chamadas provas de força, nela os atletas devem arremessar os objetos de modo que alcancem uma longa distância. Esses objetos são

O peso

Os atletas devem arremessar 7,26 kg na prova masculina e 4 kg na prova feminina. O Atleta não pode lançar o Peso para fora da zona autorizada de arremesso e nem sair do círculo de lançamento antes do Peso tocar o chão.

Arremesso de Peso no Atletismo

O disco

Os Atletas devem arremessar um disco que pesa 2 kg na prova masculina e 1 kg na prova feminina. O Atleta não pode lançar o Disco para fora da zona autorizada de arremesso e nem sair do círculo de lançamento antes do Disco tocar o chão.

Arremesso de Disco no Atletismo

O martelo

Os atletas devem arremessar o martelo que pesa 7,26 kg na prova masculina e 4 kg na prova feminina. A área de arremesso é praticamente a mesma usada no arremesso de disco. O Atleta não pode lançar o Martelo para fora da zona autorizada de arremesso e nem sair do círculo de lançamento antes do Martelo tocar o chão.

Arremesso de Martelo no Atletismo

O dardo

Os atletas devem lançar um dardo que pesa 800 g na prova masculina e 600 g na prova feminina. O Atleta não pode lançar o Dardo para fora da zona autorizada de arremesso e nem sair da pista de lançamento antes do Dardo tocar o chão.

Lançamento de Dardo no Atletismo

Veja também  ⇒  Onde e como surgiu o Atletismo

Outras modalidades do atletismo: Decatlo e o Heptatlo

Além das modalidades do atletismo citadas antes, existem as provas do Decatlo e o Heptatlo que são combinadas.

Decatlo

É a prova combinada masculina e compreende 10 provas – Corrida (100 metros), salto em distância, salto em altura, lançamento de peso, 400 metros, 110 metros com barreira, lançamento de disco, lançamento de dardo, salto com vara e corrida de 1500 metros.

Heptatlo

Essa é a prova combinada feminina, compreende 7 provas – 100 metros com barreira, lançamento de peso, lançamento de dardo, salto em altura, salto em distância, corrida de 200 metros e 800 metros.

  • 48
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 2 =