Futsal: História, Regras e Fundamentos [ Tudo sobre Futsal ]

By | 08/02/2017

Oportunidades em Educação Física

Apostila Educação Física Concursos
Cursos Online na Área de Educação Física


Introdução: Futsal: História, Regras e Fundamentos

Nesse post super completo sobre Futsal: História, Regras e Fundamentos você vai encontrar um conteúdo precioso, de qualidade e definitivo sobre a História do Futsal no Brasil e no Mundo, as Regras básicas do Futsal atualizadas e os Fundamentos Técnicos do Futsal.

A História do Futsal

A História do Futsal

Versão brasileira da origem do Futsal

A história do Futsal tem duas versões divergentes sobre a origem do Futsal. Uma das versões é que o Futsal ou Futebol de Salão começou a ser praticado na cidade de São Paulo/Brasil, na associação cristã de moços (ACM), na década de 1940, pois já havia uma dificuldade em encontrar campos de Futebol livres para a prática do esporte. A solução foi usar as quadras de Basquetebol e Hóquei para jogar Futebol.

Versão uruguaia da origem do Futsal

A outra versão bastante reconhecida sobre a origem do Futsal/Futebol de Salão é que ele começou a ser praticado na década de 1930 em Montevidel/Uruguai, também na Associação Cristã de Moços, seu inventor foi o professor Juan Carlos Ceriani, que chamava o novo esporte de “Indoor-Foot-Ball”.

Futsal: História, Regras e Fundamentos

Futsal: História, Regras e fundamentos – A Origem do Futsal

Curiosidades sobre a origem do Futsal e Futebol de Salão

A bola foi umas das primeiras adaptações que o Futsal/Futebol de Salão precisou fazer. A bola usada no campo era grande e quicava muito, para usar na quadra precisava de uma bola menor e mais pesada, com isso o Futsal/Futebol de Salão chegou a ser conhecido como o “esporte da bola pesada”.

Outra adaptação que precisou ser  feita foi em relação ao número de jogadores de cada equipe no Futsal/Futebol de Salão, já os 11 jogadores do Futebol de campo não se encaixavam na quadra. Foram tentadas várias formações, até chegarem ao número de 5 jogadores por equipe.

A história do Futsal no Brasil

Em São Paulo/Brasil na década de 1950 o professor Habib Maphus foi responsável pela elaboração de normas para prática do Futsal/Futebol de Salão, além disso fundou a Liga de Futebol de Salão da Associação Cristã de Moços.

História do Futsal no Brasil

Ainda na década de 1950 foi fundada a Liga Metropolitana de Futebol de Salão, atualmente Federação de Futebol de Salão do Estado do Rio de Janeiro, a primeira federação estadual do Brasil. Nesse mesmo período foram criadas a federação mineira e a paulista de Futebol de Salão, a partir daí foram fundadas várias federações estaduais pelo Brasil.

Em 1957 a Confederação Brasileira de Desportos (CBD) criou o Conselho Técnicos de Assessores de Futebol de Salão, para conciliar divergências de regras e discutir o futuro do Futsal/Futebol de Salão no Brasil.

Também em 1957 houve a primeira tentativa de criação da Confederação Brasileira de Futebol de Salão, que não foi autorizada pelo Conselho Nacional de Desportos (CND). Só em 15 de junho 1979 foi realizada a assembleia oficializou e que fundou a Confederação Brasileira de Futebol de SalãoCBFS. Momento marcante na história do Futsal brasileiro.

As entidades internacionais da história do Futsal

Em setembro de 1969 em Assunção no Paraguai foi fundada a Confederação Sulamericana de Futebol de Salão, com a presença de representantes do Futsal/Futebol de Salão do Brasil.

Em julho de 1971 em São Paulo/Brasil, com representantes de Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai, Bolívia, Peru e Portugal foi fundada a FIFUSA – Federação Internacional de Futebol de Salão.

Entidades Internacionais do Futsal

Futsal: História, Regras e fundamentos – FIFUSA

PRIMEIRAS COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS DE FUTSAL

Em 1980 foi realizado o primeiro Pan-americano de Futebol de Salão no México, com a participação de Brasil, México, Paraguai, Uruguai, Argentina, Bolívia e Estados Unidos. O Brasil foi o vencedor desta competição.

Em 1982 a FIFUSA realizou o primeiro Campeonato Mundial de Futebol de Salão/Futsal, em São Paulo/Brasil. O Brasil foi o primeiro campeão mundial de Futsal/Futebol de Salão, o torneio teve a participação de Brasil, Paraguai, Argentina, Costa Rica, Tchecoslováquia, Colômbia, Uruguai, México, Itália, Holanda e Japão.

Em 1985 foi realizado o segundo mundial de Futebol de Salão na Espanha, novamente vencido pelo Brasil. Já em 1988 o terceiro mundial de Futebol de Salão foi realizado em Austrália e vencido pelo Paraguai.

A FIFA assume o Futsal

Em 1989 a FIFA – Federação Internacional de Futebol – resolveu entrar de vez na disputa pelo controle do Futebol de Salão, criando novas regras e mudando o nome para FUTSAL. No mesmo ano realizou na Holanda a primeira Copa do Mundo de Futsal da FIFA. A equipe brasileira do Bradesco foi autorizada pela CBFS a participar da competição e se tornou a campeã da primeira Copa do Mundo de Futsal da FIFA.

Leia também >> A História de todas as Copas do Mundo de Futebol

O Brasil na História do Futsal

Um momento importante na história do Futsal foi quando o Brasil, maior potência do Futebol de Salão mundial, oficializou a sua desfiliação da FIFUSA, aderindo a FIFA e ao FUTSAL. Sem dúvida um dos momentos mais importante do histórico do Futsal no mundo.

Campeões mundiais de Futebol de Salão FIFUSA

  • 1882 – Brasil
  • 1885 – Brasil
  • 1988 – Paraguai
Futsal: História, Regras e fundamentos - final do mundial de Futebol de Salão FIFUSA 1985

Futsal: História, Regras e fundamentos – Mundial de Futsal 1985

Copas do Mundo de Futsal

A partir de 1992 as Copas do Mundo de FUTSAL organizadas pela FIFA passaram a ser realizadas de 4 em 4 anos.

Os campeões da Copa do Mundo de Futsal da FIFA são:

  • 1989 – Brasil

  • 1992 – Brasil

  • 1996 – Brasil

  • 2000 – Espanha

  • 2004 – Espanha

  • 2008 – Brasil

  • 2012 – Brasil

  • 2016 – Argentina


Regras do Futsal

01) Qual tamanho da quadra de Futsal?

A quadra de Futsal é um retângulo e suas medidas são:

  • Competições internacionais FIFA: 38 a 42 metros de comprimento e 20 a 25 metros de largura.

  • Competições nacionais (Brasil) adulto e sub-20: mínimo 38 metros de comprimento e mínimo de 18 metros de largura.

  • Competições nacionais femininas adulto, sul-20, sub-17 e sub-15 e competições nacionais mas masculina sub-17 e sub-15 o comprimento mínimo é de 36 metros e a largura mínima é de 18 metros

Medidas da Quadra de Futsal

02) Qual tamanho das TRAVES de FUTSAL?

O tamanho dos Gol ou Traves de Futsal é de 3 metros de largura entre os postes, e a altura do travessão é de 2 metros em relação ao solo.

Traves ou metas de Futsal - Regras básicas do Futsal

03) Substituições e ZONA DE SUBSTITUIÇÃO NO FUTSAL

As substituições no Futsal são ilimitadas durante o jogo. Porém há uma zona onde, obrigatoriamente, serão feitas as substituição no Futsal, que fica em frente a cada banco de reservas/área técnica com 5 metros de largura.

Zona de substituição na quadra de Futsal

04) Uma Equipes de Futsal É FORMADA por quantos jogadores?

Uma equipe de Futsal é formada por 5 jogadores, sendo um deles o goleiro. Em competições oficiais o número máximo de reservas é de 9 atletas. As substituições no Futsal são ilimitadas. As substituições podem ser feitas com o bola em jogo ou fora de jogo, desde que na  ZONA DE SUBSTITUIÇÃO.

05) Qual a DURAÇÃO De uma PARTIDA DE FUTSAL?

Uma partida de Futsal é cronometrada e dividida em dois tempos iguais. Para partidas adulta, sub-20 e sub-17 serão dois tempo de 20 minutos, já para partidas sub-15, serão dois tempos de 15 minutos. O intervalo entre os tempos de jogo deve ser de no máximo 15 minutos.

06) As FALTAS DO GOLEIRO de Futsal

No Futsal não é permitido ao goleiro ficar com a bola por mais de 4 segundos, com os pés ou com as mãos, em sua quadra de defesa. Na quadra de ataque o goleiro pode tocar na bola livremente e por quanto tempo quiser como um jogador de linha.

É permitido apenas um recuo de bola para o goleiro, e ele não pode receber a bola recuada usando as mãos. Após um recuo, ele só poderá receber a bola em sua quadra de defesa se ela tocar em um adversário.

O Goleiro pode fazer gol no Futsal?

07) APÓS UM CARTÃO VERMELHO / EXPULSÃO no Futsal:

  1. a equipe tiver um jogador expulso, ficará com um jogador a menos por 2 minutos ou até sofrer um gol.
  2. Se ambas as equipes tiverem jogadores expulsos e estiverem com o mesmo número de jogadores em quadra, a recomposição das equipe só será feita após os 2 minutos.
  3. Se ambas as equipes tiverem jogadores expulsos, porém uma das equipes estiver em inferioridade numérica por ter tido mais jogadores expulsos, a equipe em inferioridade numérica pode ter a reposição de um jogador após sofrer um gol. Ex.: A equipe A teve dois jogadores expulso, a equipe B teve 1 jogador expulso, caso a equipe A, que está em inferioridade numérica, sofra um gol antes de passado 2 minutos após a expulsão, a equipe A poderá ter a reposição de um jogador.

08) O TIRO LATERAL No Futsal

O tiro lateral no Futsal é cobrado com os pés, a bola deve ser colocada sobre a linha ou até 25 centímetros fora da quadra, o jogador que cobrar o tiro lateral não pode estar com os pés dentro da quadra. A cobrança deve ser feita em 4 segundosNão é permitido gol direto de tiro lateral.

Regras do Futsal: Tiro Lateral

09) O ARREMESSO / Tiro DE META no Futsal

O arremesso de meta no Futsal deve ser cobrado exclusivamente pelo goleiro, usando as mãos, dentro de usa área de gol e em até 4 segundos.

Regras do Futsal: Arremesso de meta

10) O TIRO DE CANTO / Escanteio no Futsal

O tiro de canto/escanteio no Futsal é cobrado com a bola no quarto de círculo, com os pés em até 4 segundos.


Fundamentos do Futsal


Os Fundamentos Técnicos do Futsal

O que são os Fundamentos do Futsal

Os Fundamentos do Futsal são as técnicas utilizadas durante o jogo de Futsal. São fundamentos do Futsal o domínio ou recepção da bola, o controle de bola, a condução de bola, o passe, o chute, o cabeceio, o drible e a finta.

Quais são os Fundamentos do Futsal?

Os fundamentos do Futsal são o domínio ou recepção da bola, o controle de bola, a condução de bola, o passe, o chute, o cabeceio, o drible e a finta. Veja abaixo um resumo dos principais fundamentos do Futsal.

Fundamento Recepção ou Domínio de bola no Futsal

É o ato de receber a bola no Futsal, o domínio pode ser realizado com qualquer parte do corpo permitida pelas Regras do Futsal, como pés, coxa, peito, cabeça e outras partes. A principal e a mais indicada técnica para recepção/domínio da bola no Futsal é a “pisada”, que é quando o jogador de Futsal domina a bola pisando nela com a sola do pé.

Fundamentos do Futsal: Recepção ou Domínio de Bola

Futsal: História, Regras e fundamentos – Foto: Kai_NITEandDAY

Fundamento Controle de bola no Futsal

O Controle de bola no Futsal se diferencia do domínio de bola pois se refere ao ato de manter a bola sobre controle sem deixá-la cair no chão. Essa técnica também é popularmente conhecida como embaixadinha.

Fundamento Condução de bola no Futsal

A Condução de bola é o ato de conduzir a bola sobre seu domínio através da quadra de jogo. É possível fazer a condução de bola em linha reta ou com mudanças de direção (ziguezague). A condução pode ser usando a parte frente do “peito” do pé ou pisando na bola, o chamado “rolinho”. É muito importante que a Condução seja feita com a bola bem próxima aos pés do jogador.

FUNDAMENTO CONDUÇÃO DE BOLA NO FUTSAL

Futsal: História, Regras e fundamentos – Montesinos C. F. S. Jumilla. 2013,

Fundamento Passe de bola no Futsal

O Passe de bola no Futsal é o ato de enviar a bola para um jogador da mesma equipe. O Passe pode ser realizado com qualquer parte do corpo permitida pelas Regras do Futsal, com os pés, a coxa, o peito, a cabeça, o calcanhar. A técnica mais utilizada de passe é feito tocando a bola com a parte interna do pé, o chamado passe colocado.

Fundamentos do Futsal: Passe

Futsal: História, Regras e fundamentos

Fundamento Chute ou finalização no Futsal

O Chute no Futsal é o ato de enviar a bola em direção a meta/gol da equipe adversária com a intenção de marcar um gol. O Chute pode ser realizado com qualquer parte do corpo permitida pelas Regras do Futsal, chute com a parte interna do pé (colocado), com o “peito” do pé, de pico, de calcanhar, de coxa, de cabeça. O melhor Chute é aquele que une precisão e força.

FUNDAMENTO CHUTE OU FINALIZAÇÃO NO FUTSAL

Futsal: História, Regras e fundamentos

História, Regras e Fundamentos do Futsal: Fundamento Cabeceio

É o ato de dar uma cabeçada na bola, o Cabeceio no Futsal pode ser usado de forma defensiva, para interromper um ataque adversário, para dar Passes ou em forma de Chute/Finalização, com o objetivo de marcar um gol. A técnica mais utilizada de Cabeceio no Futsal é feita usando a região da testa.

Futsal: História, Regras e Fundamentos: Fundamento Drible

O Drible no Futsal envolve outros dois fundamentos, o Domínio e a Condução. O Drible é o ato de passar dominando e conduzindo a bola. O Drible exige mudança de direção, criatividade, velocidade e agilidade, com intenção de enganar o adversário e passar por ele.

Fundamento Drible no Futsal

Futsal: História, Regras e fundamentos (Foto: Atenea F.S. 2007.)

O Fundamento Finta no Futsal

A Finta no Futsal é diferente do Drible pois é feita sem o domínio da bola, também conhecida como Drible de Corpo. A Finta é um movimento criativo, com mudança de direção, sem a bola, feita para enganar o adversário com o objetivo de alcançar ou receber a bola.

  • 37
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − quatro =